William Shakespeare

http://pt.dbpedia.org/resource/William_Shakespeare an entity of type: Thing

William Shakespeare (Stratford-upon-Avon, 23 de abril de 1564 — Stratford-upon-Avon, 23 de abril de 1616) foi um poeta, dramaturgo e ator inglês, tido como o maior escritor do idioma inglês e o mais influente dramaturgo do mundo. É chamado frequentemente de poeta nacional da Inglaterra e de "Bardo do Avon" (ou simplesmente The Bard, "O Bardo"). De suas obras, incluindo aquelas em colaboração, restaram até os dias de hoje 38 peças, 154 sonetos, dois longos poemas narrativos, e mais alguns versos esparsos, cujas autorias, no entanto, são ainda disputadas. Suas peças foram traduzidas para todas as principais línguas modernas e são mais encenadas que as de qualquer outro dramaturgo. Muitos de seus textos e temas, especialmente os do teatro, permanecem vivos até os nossos dias, sendo revisitado
William Shakespeare 
xsd:integer 1987  1990  1991  1993  1997  2002  2003  2005 
xsd:integer 145 
David Bevington 
James S. Shapiro 
Samuel Schoenbaum 
Stanley Wells 
Stephen Greenblatt 
Blackwell 
Hogarth Press 
Faber and Faber 
Oxford University Press 
Pennsylvania State University Press 
Pimlico 
University of Toronto Press 
W. W. Norton 
Revised 
Shakespeare.jpg 
xsd:integer 200 
xsd:integer 27100908 
xsd:integer 195051610 
xsd:integer 198186185 
xsd:integer 393315622 
xsd:integer 571214800 
xsd:integer 631227199 
xsd:integer 701208880 
xsd:integer 712600981 
xsd:integer 802086055 
O Retrato de Chandos; pintura atribuída a John Taylor e com autenticidade desconhecida. National Portrait Gallery, London. 
Londres 
Toronto 
Oxford 
Nova Iorque 
Pennsylvania 
Romeu e Julieta 
Hamlet 
William Shakespeare 
Dramaturgo e poeta 
James 
David 
Stanley 
Samuel 
Gary 
Stephen 
John Anthony 
Leon Harold 
Romeu e Julieta, Rei Lear, Macbeth, O Mercador de Veneza, Sonho de uma Noite de Verão, A Megera Domada, Otelo, o Mouro de Veneza, etc. 
xsd:integer 1599 
Shakespeare 
Will in the World: How Shakespeare Became Shakespeare 
Shakespeare's Lives 
Shakespeare: A Life in Drama 
Shaw and Other Playwrights 
William Shakespeare: A Compact Documentary Life 
Reinventing Shakespeare: A Cultural History from the Restoration to the Present 
Of Philosophers and Kings: Political Philosophy in Shakespeare's "Macbeth" and "King Lear" 
Taylor 
Craig 
Wells 
Shapiro 
Bevington 
Bertolini 
Greenblatt 
Schoenbaum 
William Shakespeare 
Autor:William Shakespeare 
William Shakespeare (Stratford-upon-Avon, 23 de abril de 1564 — Stratford-upon-Avon, 23 de abril de 1616) foi um poeta, dramaturgo e ator inglês, tido como o maior escritor do idioma inglês e o mais influente dramaturgo do mundo. É chamado frequentemente de poeta nacional da Inglaterra e de "Bardo do Avon" (ou simplesmente The Bard, "O Bardo"). De suas obras, incluindo aquelas em colaboração, restaram até os dias de hoje 38 peças, 154 sonetos, dois longos poemas narrativos, e mais alguns versos esparsos, cujas autorias, no entanto, são ainda disputadas. Suas peças foram traduzidas para todas as principais línguas modernas e são mais encenadas que as de qualquer outro dramaturgo. Muitos de seus textos e temas, especialmente os do teatro, permanecem vivos até os nossos dias, sendo revisitados com frequência, especialmente no teatro, na televisão, no cinema e na literatura. Shakespeare nasceu e foi criado em Stratford-upon-Avon. Aos 18 anos, segundo alguns estudiosos, casou-se com Anne Hathaway, que lhe concedeu três filhos: Susanna, e os gêmeos Hamnet e Judith. Entre 1585 e 1592 William começou uma carreira bem-sucedida em Londres como ator, escritor e um dos proprietários da companhia de teatro chamada Lord Chamberlain's Men, mais tarde conhecida como King's Men. Acredita-se que ele tenha retornado a Stratford em torno de 1613, morrendo três anos depois. Restaram poucos registros da vida privada de Shakespeare, e existem muitas especulações sobre assuntos como a sua aparência física, sexualidade, crenças religiosas, e se algumas das obras que lhe são atribuídas teriam sido escritas por outros autores. Shakespeare produziu a maior parte de sua obra entre 1590 e 1613. Suas primeiras peças eram principalmente comédias e obras baseadas em eventos e personagens históricos, gêneros que ele levou ao ápice da sofisticação e do talento artístico ao fim do século XVI. A partir de então escreveu apenas tragédias até por volta de 1608, incluindo Hamlet, Rei Lear e Macbeth, consideradas algumas das obras mais importantes na língua inglesa. Na sua última fase, escreveu um conjuntos de peças classificadas como tragicomédias ou romances, e colaborou com outros dramaturgos. Diversas de suas peças foram publicadas, em edições com variados graus de qualidade e precisão, durante sua vida. Em 1623, John Heminges and Henry Condell, dois atores e antigos amigos de Shakespeare, publicaram o chamado First Folio, uma coletânea de suas obras dramáticas que incluía todas as peças (com a exceção de duas) reconhecidas atualmente como sendo de sua autoria. Shakespeare foi um poeta e dramaturgo respeitado em sua própria época, mas sua reputação só viria a atingir o nível em que se encontra hoje no século XIX. Os românticos, especialmente, aclamaram a genialidade de Shakespeare, e os vitorianos idolatraram-no como um herói, com uma reverência que George Bernard Shaw chamava de "bardolatria". No século XX sua obra foi adotada e redescoberta repetidamente por novos movimentos, tanto na academia e quanto na performance. Suas peças permanecem extremamente populares hoje em dia e são estudadas, encenadas e reinterpretadas constantemente, em diversos contextos culturais e políticos, por todo o mundo. 
xsd:nonNegativeInteger 265 
xsd:integer 16833 
xsd:nonNegativeInteger 37597 
xsd:integer 44965332 

data from the linked data cloud