Volubilis

http://pt.dbpedia.org/resource/Volubilis an entity of type: Thing

Volubilis (em árabe: وليلي‎; transl.: Oualili ou Walila) foi uma cidade romana, cujas ruínas constituem atualmente um sítio arqueológico parcialmente escavado situado no norte de Marrocos, nos arredores da cidade santa de Moulay Idriss, a norte de Meknès. As ruínas estão inscritas na lista do Património Mundial da UNESCO desde 1997.
Volubilis 
xsd:integer 12  20 
Ministério da Cultura de Marrocos 
xsd:integer 375 
xsd:integer 1997  2008 
Rachid, Bouzidi 
xsd:integer
xsd:integer 3000000 
vídeo 
xsd:integer 836 
xsd:integer 278 
Volubilis Longshot II.jpg 
xsd:integer 275 
Dauphins maison d'Orphee Volubilis.jpg 
Decumanus Maximus.jpg 
Mosaic-acrobat.jpg 
Presse olive Volubilis.jpg 
Volubilis Arch of Caracalla looking southwest.jpg 
Volubilis Arch of Caracalla south side.jpg 
Volubilis Tingis Gate.jpg 
Volubilis Triumphal Arch.jpg 
Volubilis mosaic Bacchus and Ariadne.jpg 
Volubilis mosaic Diana and her nymph.jpg 
Volubilis mosaic Four Seasons.jpg 
Bacchus découvrant Ariane vue générale Volubilis.jpg 
xsd:integer 34 
xsd:integer
xsd:integer 22 
Basílica e templo capitolino romanos em Volubilis 
en 
fr 
xsd:integer
xsd:integer 33 
xsd:integer 17 
Marrocos 
Localização de Volubilis em Marrocos 
Sítio Arqueológico de Volubilis 
Volubilis 
www.minculture.gov.ma 
LookLex.com 
whc.unesco.org 
www.insecula.com 
www.levieuxmaroc.com 
www.medmem.eu 
www.memoarts.com 
www.sitedevolubilis.fr.nf 
Jean-Luc 
Tore 
Abdellatif 
Ministério da Cultura de Marrocos 
Le Vieux Maroc 
Mediterranean Memory 
UNESCO World Heritage List 
Estados Árabes 
Cidade atual mais próxima 
xsd:integer 21 
Archaeological Site of Volubilis 
Les Débuts de l'Histoire 
Site archéologique de Volubilis au Maroc 
Sites Antiques 
Volubilis 
Volubilis - Histoire 
Volubilis - La cité 
Volubilis – Roman ruins with a long life 
Talbi 
Kjeilen 
Panetier 
xsd:integer 85 
http://www.minculture.gov.ma/fr/index.php?option=com_content&view=article&id=76%3Asites-antiques-du-maroc&catid=44&Itemid=104&lang=fr 
http://looklex.com/morocco/volubilis.htm 
http://whc.unesco.org/en/list/836/ 
http://www.insecula.com/musee/M0347.html 
http://www.medmem.eu/fr/notice/2MT00013 
http://www.sitedevolubilis.fr.nf/ 
http://www.levieuxmaroc.com/Volubilis%20Histoire.html 
http://www.memoarts.com/index.php/documentation/histoire-du-maroc/102-les-debuts-de-lhistoire 
http://www.levieuxmaroc.com/Volubilis%20La%20cite%201.html 
xsd:integer 42 
A Decúmano Máximo vista de sudoeste para nordeste 
Mosaico das Quatro Estações, na Casa dos Trabalhos de Hércules 
Inscrição dedicatória 
Lado norte do Arco de Caracala 
Lado sul do Arco de Caracala 
Mosaico com golfinhos na Casa de Orfeu 
Mosaico da Casa do Atleta 
Reconstituição de prensa de azeite 
A Porta de Tingis, vista detrás, desde a Decúmano Máximo 
Mosaico de Diana e a sua ninfa surpreendidas por Acteão quando tomavam banho, da Casa de Vénus 
Mosaico de Baco encontrando Ariadne adormecida, da Casa do Efebo 
Mosaico de Baco aproximando-se de Ariadne, na Casa do Cavaleiro 
xsd:integer
Administração 
e outros 
Elizabeth Fentress, 
Gaetano Palumbo, 
Hassan Limane 
Henri de la Martinière, 
Louis Chatelain, 
Ruínas; alguns edifícios restaurados 
xsd:integer 1887  1946 
xsd:integer 44 
xsd:integer 146 
xsd:integer 285 
xsd:integer 788 
ca. – ca. século III a.C. 
ca. século III a.C. – 146 a.C. 
Reino da Mauritânia 
Berberes cristãos e judeus romanizados 
, Oualili , Walila 
Volubilis (em árabe: وليلي; transl.: Oualili ou Walila) foi uma cidade romana, cujas ruínas constituem atualmente um sítio arqueológico parcialmente escavado situado no norte de Marrocos, nos arredores da cidade santa de Moulay Idriss, a norte de Meknès. As ruínas estão inscritas na lista do Património Mundial da UNESCO desde 1997. A antiga cidade situa-se numa fértil planície agrícola e desenvolveu-se a partir do século III a.C. como um assentamento fenício-cartaginês, tendo crescido rapidamente sob o domínio romano a partir do século I a.C. até ocupar uma área de aproximadamente 40 hectares, rodeada por muralhas com 2,6 km de perímetro. No século II a cidade foi dotada de uma série de edifícios públicos, nomeadamente uma basílica, um templo e um arco do triunfo. A sua prosperidade, que advinha principalmente das culturas da oliveira, cereais e do fornecimento de animais selvagens para os espetáculos de gladiadores, propiciou a construção de muitas casas urbanas ricas, com grandes mosaicos de chão. Volubilis foi tomada por tribos locais ca. 285 e nunca foi reconquistada por Roma devido à sua localização remota e de difícil defesa, na fronteira sudoeste do Império Romano. Continuou a ser habitada durante pelo menos mais 700 anos, primeiro como uma comunidade latinizada cristã, e depois como uma localidade islâmica. No final do século VIII tornou-se a capital de Idris ibn Abdalá, o fundador da dinastia idríssida, o primeiro estado muçulmano de Marrocos. No século XI, Volubilis tinha sido abandonada e a capital idríssida tinha sido transferida para Fez. A maior parte da sua população mudou-se para a nova cidade de Moulay Idriss Zerhoun, situada num monte a sudeste de Volubilis. As ruínas mantiveram-se praticamente intactas até terem sido arrasadas pelo terramoto de 1755, o mesmo que destruiu Lisboa. Pouco depois serviram de pedreira para a construção de Meknès. Só no final do século XIX é que o local foi definitivamente identificado como sendo a antiga cidade de Volubilis. Durante e depois da vigência do Protetorado Francês de Marrocos, cerca de metade do sítio foi escavado, tendo sido descobertos muitos mosaicos, e alguns dos edifícios públicos e casas mais importantes foram restaurados ou reconstruídos. A classificação como Património Mundial deve-se ao facto de «ser um exemplo excecionalmente bem preservado de uma grande cidade colonial romana nos limites do império». 
xsd:nonNegativeInteger 379 
city 
Sítio Arqueológico de Volubilis 
xsd:integer 1385877 
xsd:nonNegativeInteger 83319 
xsd:integer 44911940 

data from the linked data cloud