Túmulo de São Pedro

http://pt.dbpedia.org/resource/Túmulo_de_São_Pedro

O Túmulo de São Pedro é um local sob a Basílica de São Pedro que inclui diversas sepulturas e necrópoles, o túmulo de São Pedro, bem como uma estrutura para abrigá-lo está no extremo oeste de um complexo de mausoléus que datam de aproximadamente de 130 d. C. O complexo original foi enchido com terra para fornecer uma fundação para o primeiro edifício da Basílica de São Pedro durante o reinado de Constantino I em aproximadamente 330. Os ossos de São Pedro encontram-se no pé de uma edícula abaixo do soalho.
Túmulo de São Pedro 
O Túmulo de São Pedro é um local sob a Basílica de São Pedro que inclui diversas sepulturas e necrópoles, o túmulo de São Pedro, bem como uma estrutura para abrigá-lo está no extremo oeste de um complexo de mausoléus que datam de aproximadamente de 130 d. C. O complexo original foi enchido com terra para fornecer uma fundação para o primeiro edifício da Basílica de São Pedro durante o reinado de Constantino I em aproximadamente 330. Os ossos de São Pedro encontram-se no pé de uma edícula abaixo do soalho. As pesquisas iniciais da década de 1930 e década de 1940 foram encerradas com a descoberta do túmulo de São Pedro. Porém, os seus ossos não foram inicialmente encontrados, tendo sido descobertos, ao redor do túmulo, os restos mortais de quatro indivíduos e de diversos animais de utilização agrícola, a descoberta foi anunciada pelo Papa Pio XII no Ano Santo de 1950. Apenas em 1953, sob a chefia da criptógrafa Margherita Guarducci, uma nova pesquisa foi feita, tendo sido descoberto que houve ossos removidos sem o conhecimento dos arqueólogos de um lóculo no lado norte de uma parede com uma inscrição a vermelho à direita dizendo Petrós Aní, que, em grego, significa "Pedro está aqui". Todas as inscrições foram examinadas por Guarducci, e consideradas legítimas. Não eram adições feitas posteriormente, mas tinham sido gravadas na época do sepultamento. O arqueólogo Antonio Ferrua descobriu características das substâncias químicas contidas na ossada, que confirmaram que estas eram pertencentes a um homem que viveu a maior parte de sua vida próximo do lago de Tiberíades, na Galileia. O teste subsequente indicou que estes eram os ossos de um homem com uma idade de 60-70 anos. Considerando o local em que foi encontrado os ossos, bem como sua idade, do templo e das catacumbas ao redor, e também de outros registros históricos, provavelmente trata-se dos ossos de São Pedro. 
xsd:integer 2279905 
xsd:integer 44002660 
xsd:nonNegativeInteger 82 
xsd:nonNegativeInteger 12448 

data from the linked data cloud