Senado dos Estados Unidos

http://pt.dbpedia.org/resource/Senado_dos_Estados_Unidos

O Senado dos Estados Unidos é uma das duas câmaras do Congresso dos Estados Unidos, a outra sendo a Câmara dos Representantes. No Senado, cada estado norte-americano é igualmente representado por dois membros, independentemente de sua população. Como resultado, o número total de senadores no Senado norte-americano é cem.
Senado dos Estados Unidos 
#0047AB 
Seal_of_the_United_States_Senate.svg 
xsd:integer 120 
Senado Federal 
Líder da maioria 
Líder da minoria 
xsd:integer 114 
Câmara dos Senadores 
xsd:integer 100 
Senado dos Estados Unidos 
Maioria * 
Minoria * 
xsd:integer 250 
xsd:integer 111 
xsd:integer 114 
#FFFFFF 
xsd:integer 20 
xsd:integer
United States Senate 
xsd:integer 200 
O Senado dos Estados Unidos é uma das duas câmaras do Congresso dos Estados Unidos, a outra sendo a Câmara dos Representantes. No Senado, cada estado norte-americano é igualmente representado por dois membros, independentemente de sua população. Como resultado, o número total de senadores no Senado norte-americano é cem. O mandato dos senadores é de seis anos. Eleições ocorrem, porém, a cada dois anos, para a escolha de aproximadamente um terço das posições no Senado norte-americano. O vice-presidente dos Estados Unidos é o oficial que preside as sessões legislativas do Senado norte-americano, mas não é um senador, e como tal, não vota, embora possua o voto de Minerva em casos de votações empatadas. O Senado é visto como um corpo político mais deliberativo do que a Câmara dos Representantes; o Senado é menor e o termo de ofícios de seus membros é maior, fazendo com que a atmosfera no Senado norte-americano seja mais formal e mais isolada da opinião pública americana do que na Câmara dos Representantes. Além disso, o Senado possui diversos poderes exclusivos dados pela Constituição dos Estados Unidos, não dados à Câmara dos Representantes. Um dos poderes mais significantes é o fato de que o Presidente dos Estados Unidos só pode ratificar tratados e realizar encontros políticos "com o conselho e o consentimento do Senado", segundo o Artigo I da Constituição americana. Um Congresso bicameral foi criado como resultado do Compromisso de Connecticut, um acordo realizado em 21 de fevereiro de 1787, em uma Convenção Constitucional, sob a qual os estados norte-americanos seriam representados na Câmara dos Representantes de acordo com suas respectivas populações, mas seriam igualmente representados no Senado. A Constituição americana diz que a aprovação de ambas as câmaras do Congresso norte-americano é necessária para a aprovação de legislação. Os poderes exclusivos do Senado, dados pela Constituição americana, são vistos como mais importantes do que os poderes dados pela Constituição à Câmara dos Representantes. Como resultado, as responsabilidades do Senado, considerada a Câmara Superior, são mais extensivas do que as responsabilidades da Câmara dos Representantes, a Câmara Inferior. A origem do nome "Senado" vem do Senado romano. A câmara do Senado norte-americano está localizada na Asa Norte do Capitólio dos Estados Unidos, em Washington, a capital nacional. A câmara da Câmara dos Representantes, por sua vez, está localizada na Asa Sul da mesma estrutura. 
xsd:nonNegativeInteger 165 
xsd:integer 158877 
xsd:nonNegativeInteger 43546 
xsd:integer 43483073 

data from the linked data cloud