Secretário-geral das Nações Unidas

http://pt.dbpedia.org/resource/Secretário-geral_das_Nações_Unidas

O secretário-geral das Nações Unidas é o mais alto funcionário das Organização das Nações Unidas e chefe da Secretaria da ONU. Deve pautar a sua atuação segundo a Carta das Nações Unidas, obedecendo aos princípios de independência e imparcialidade. O atual secretário-geral, Ban Ki-moon, assumiu em 2007 o lugar de Kofi Annan, que completou dois mandatos na função (1 de janeiro de 1997 a 1 de janeiro de 2007). Ban Ki-moon foi reconduzido ao cargo quando seu primeiro mandato expirou, em 2011. A reeleição do secretário-geral da agência é uma praxe consagrada, apenas quebrada quando os Estados Unidos vetaram o segundo mandato do egípcio Boutros-Ghali em 1996. Annan foi um crítico da política dos Estados Unidos em relação à ONU.
Secretário-geral das Nações Unidas 
Secretário-Geral das Nações Unidas 
xsd:integer
Bankimoon07052007.jpg 
Emblem of the United Nations.svg 
O secretário-geral das Nações Unidas é o mais alto funcionário das Organização das Nações Unidas e chefe da Secretaria da ONU. Deve pautar a sua atuação segundo a Carta das Nações Unidas, obedecendo aos princípios de independência e imparcialidade. O atual secretário-geral, Ban Ki-moon, assumiu em 2007 o lugar de Kofi Annan, que completou dois mandatos na função (1 de janeiro de 1997 a 1 de janeiro de 2007). Ban Ki-moon foi reconduzido ao cargo quando seu primeiro mandato expirou, em 2011. A reeleição do secretário-geral da agência é uma praxe consagrada, apenas quebrada quando os Estados Unidos vetaram o segundo mandato do egípcio Boutros-Ghali em 1996. Annan foi um crítico da política dos Estados Unidos em relação à ONU. Previsto por Franklin D. Roosevelt como o "moderador do mundo", a posição é definido na Carta das Nações Unidas como "chefe administrativo oficial" da organização, mas a Carta também afirma que o secretário-geral pode chamar a atenção do Conselho de Segurança sobre "qualquer assunto que, em sua opinião, possa ameaçar a manutenção da paz e da segurança internacionais", dando a posição de maior capacidade de ação na cena mundial. A situação evoluiu em um duplo papel de um administrador da organização das Nações Unidas e de um diplomata e mediador para resolver disputas entre os Estados-Membros e chegar a um consenso sobre questões globais. O secretário-geral é nomeado pela Assembleia Geral, depois de ter sido recomendado pelo Conselho de Segurança. A seleção pode ser vetada por qualquer membro do Conselho de Segurança, e a Assembléia Geral pode, teoricamente, substituir a recomendação do Conselho de Segurança se uma maioria de votos não for atingida, embora isso não tenha acontecido até agora. Não há nenhum critério específico para o cargo, mas ao longo dos anos, admitiu-se que o cargo será realizado por um ou dois mandatos de cinco anos, que o cargo deve ser nomeado com base no sistema de rotação geográfica e que o secretário-geral não deve ser originário de um dos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança. 
xsd:integer 395257 
xsd:integer 44912535 
xsd:nonNegativeInteger 32 
xsd:nonNegativeInteger 5559 

data from the linked data cloud