Partido Comunista de Portugal (marxista-leninista)

http://pt.dbpedia.org/resource/Partido_Comunista_de_Portugal_(marxista-leninista) an entity of type: Thing

O Partido Comunista de Portugal (marxista-leninista), PCP(m-l) foi um pequeno grupo político de extrema-esquerda criado em 1970, a partir do Comité Marxista-Leninista Português, que havia sido fundado em 1964 por Francisco Martins Rodrigues.O partido foi-se gradualmente dividindo entre uma ala no exílio, liderada por Heduíno Gomes, também conhecido por Eduíno Vilar, e uma ala no interior de Portugal, liderada por Carlos Janeiro, conhecido pelo pseudónimo de Mendes.Heduíno Gomes é hoje um destacado militante do PSD.
Partido Comunista de Portugal (marxista-leninista) 
red 
Partido Comunista de Portugal logo.gif 
Partido Comunista de Portugal 
Unidade Popular 
Vermelho 
O Partido Comunista de Portugal (marxista-leninista), PCP(m-l) foi um pequeno grupo político de extrema-esquerda criado em 1970, a partir do Comité Marxista-Leninista Português, que havia sido fundado em 1964 por Francisco Martins Rodrigues. O partido foi-se gradualmente dividindo entre uma ala no exílio, liderada por Heduíno Gomes, também conhecido por Eduíno Vilar, e uma ala no interior de Portugal, liderada por Carlos Janeiro, conhecido pelo pseudónimo de Mendes. A partir de Maio de 1974, a cisão entre as duas facções consumou-se, com ambas a intitularem-se de "PCP(m-l)". A facção Vilar acabou por ficar com a sigla, tendo criado a Aliança Operário-Camponesa como "frente eleitoral" para se apresentar às eleições de 1975 (a AOC foi proibida de se apresentar a essas eleições; nas seguintes, tanto a AOC como o PCP(m-l) concorreram). A facção oposta deu origem ao Partido de Unidade Popular. A principal diferença entre o Partido Comunista de Heduíno Gomes e o original de Martins Rodrigues tinha a ver com o estatuto do inimigo principal de cada um deles: enquanto este manteve sempre que os principais inimigos do povo eram «os monopólios e o imperialismo norte-americano», já o partido de Vilar elegeu o PCP, o «Social-fascismo de Cunhal» e o «Social-imperialismo russo» como alvos primordiais. Heduíno Gomes é hoje um destacado militante do PSD. Não obstante não se encontrar formalmente extinto o partido não desenvolve qualquer actividade política. 
xsd:nonNegativeInteger 26 
Partido Comunista de Portugal (marxista-leninista) 
xsd:integer 1771738 
xsd:nonNegativeInteger 5365 
xsd:integer 44511695 

data from the linked data cloud