Negritos

http://pt.dbpedia.org/resource/Negritos

Os negritos são um grupo de povos do Sudeste Asiático e incluem os atis e pelos menos cinco outras tribos das Filipinas, os semang da Península da Malásia e 12 tribos das Ilhas Andaman. O termo para este povo em língua malaia é “orang asli”, que significa “povo original”. Pensa-se que eles sejam descendentes dos primeiros habitantes humanos dessa região, incluindo a Nova Guiné e a Austrália, mas também podem ter sido levados por árabes, malaios, sul-chineses e hindus como escravos, que podem ter escapado e se refugiado nas florestas, tal como os quilombolas da Guiana Amazônica. Têm tamanho de pigmeu, e, atualmente, seu número é muito reduzido. Os negritos estão entre os povos mais mal conhecidos do mundo.
Negritos 
Os negritos são um grupo de povos do Sudeste Asiático e incluem os atis e pelos menos cinco outras tribos das Filipinas, os semang da Península da Malásia e 12 tribos das Ilhas Andaman. O termo para este povo em língua malaia é “orang asli”, que significa “povo original”. Pensa-se que eles sejam descendentes dos primeiros habitantes humanos dessa região, incluindo a Nova Guiné e a Austrália, mas também podem ter sido levados por árabes, malaios, sul-chineses e hindus como escravos, que podem ter escapado e se refugiado nas florestas, tal como os quilombolas da Guiana Amazônica. Têm tamanho de pigmeu, e, atualmente, seu número é muito reduzido. Os negritos estão entre os povos mais mal conhecidos do mundo. A denominação 'negrito', que significa (negro pequeno, em português, foi-lhes atribuída pelos primeiros exploradores europeus, que pensaram que eles fossem originários de África. Tal denominação tem sido usada nos últimos 300 anos em relação a esses povos com cabelo encarapinhado e pele escura, que se encontram em pequenos bolsões por toda a Ásia tropical e provavelmente mais além. A teoria da ligação com a África colapsou no momento em que os primeiros observadores científicos se encontraram frente a frente com negritos andamaneses. Para além da pele escura e do cabelo encarapinhado, eles têm pouco em comum com qualquer povo africano, incluindo os pigmeus africanos - exceto do ponto de vista de que a espécie Homo sapiens teve origem em África de acordo com a Teoria Unirregional. Os achados arqueológicos mostram que os negritos estavam instalados nas ilhas Andaman há mais de 2.200 anos, mas estudos genéticos indicam que os seus antepassados podem ter chegado à Ásia há 70.000 anos. Por outro lado, sabe-se que, em 1911, os negritos das Filipinas usavam o fogo, enquanto que os andamaneses não conheciam o seu uso, o que pode indicar que tenham chegado às ilhas Andaman muito tempo antes e que tenham vivido sempre isolados de outros contactos. Os semang, que são considerados possíveis "parentes" dos negritos, vestiam-se, naquela altura, com cascas de árvores e viviam em cavernas ou abrigos cobertos de folhas. Os negritos são muito diferentes dos povos Formoso-Indo-Malaios das Filipinas, que, aparentemente, teriam chegado àquelas ilhas em barcos chamados “balangay” (ver barangay). Atualmente, os filipinos da província de Antique vestem-se como os negritos e os espanhóis vestiam antigamente, durante o festival Binirayan, que celebra a chegada dos datus de Bornéu que, em 1212, pediram "asilo político" na ilha de Panay, para escaparem do império hindu-malaio de Sri-Vishaya. 
xsd:nonNegativeInteger 51 
xsd:integer 54540 
xsd:nonNegativeInteger 4114 
xsd:integer 44306961 

data from the linked data cloud