Medalhistas olímpicos do snowboard

http://pt.dbpedia.org/resource/Medalhistas_olímpicos_do_snowboard

O snowboard ou snowboarding é um esporte olímpico disputado nos Jogos Olímpicos de Inverno. Foi introduzido nos Jogos Olímpicos de Inverno de 1998 em Nagano, Japão, sendo um dos cinco novos esportes ou disciplinas adicionado ao programa olímpico de inverno entre 1992 e 2002, e foi o único a não ter tido um evento valendo medalhas em edições passadas ou um evento de demonstração. Em 1998, quatro eventos, dois para homens e dois para mulheres, foram realizados em duas modalidades: o slalom gigante, um evento de downhill semelhante ao slalom gigante do esqui; e o halfpipe, em que os participantes realizam manobras, indo de um lado para o outro em uma pista em formato de um tubo semi-circular. O canadense Ross Rebagliati venceu o slalom gigante masculino e se tornou o primeiro atleta a ganhar
Medalhistas olímpicos do snowboard 
O snowboard ou snowboarding é um esporte olímpico disputado nos Jogos Olímpicos de Inverno. Foi introduzido nos Jogos Olímpicos de Inverno de 1998 em Nagano, Japão, sendo um dos cinco novos esportes ou disciplinas adicionado ao programa olímpico de inverno entre 1992 e 2002, e foi o único a não ter tido um evento valendo medalhas em edições passadas ou um evento de demonstração. Em 1998, quatro eventos, dois para homens e dois para mulheres, foram realizados em duas modalidades: o slalom gigante, um evento de downhill semelhante ao slalom gigante do esqui; e o halfpipe, em que os participantes realizam manobras, indo de um lado para o outro em uma pista em formato de um tubo semi-circular. O canadense Ross Rebagliati venceu o slalom gigante masculino e se tornou o primeiro atleta a ganhar uma medalha de ouro no snowboard. Rebagliati foi brevemente despojado de sua medalha pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) após testar positivo para cannabis. No entanto, a decisão do COI foi revertida depois de um apelo do Comitê Olímpico do Canadá. Para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2002, o slalom gigante foi substituído pelo slalom gigante paralelo, um evento que envolve dois competidores disputando uma corrida lado à lado. Em 2006, o snowboard cross foi realizado pela primeira vez. Neste evento, os competidores descem simultaneamente por um percurso com curvas inclinadas, saltos, ondulações e outros obstáculos. As última adições ao programa do snowboard aconteceram nos Jogos Olímpicos de 2014, onde foram incluídas as provas do slalom paralelo e do slopestyle. Kelly Clark dos Estados Unidos, é a maior vencedora de medalhas com três no total (1 de ouro e 2 de bronze). Philipp Schoch da Suíça, Shaun White e Seth Wescott dos Estados Unidos, e Vic Wild da Rússia são os únicos a conquistarem duas medalhas de ouro. Karine Ruby da França, Žan Košir da Eslovênia, Benjamin Karl da Áustria, Amelie Kober da Alemanha, Torah Bright da Austrália, Dominique Maltais do Canadá, e os norte-americanos Hannah Teter, Ross Powers e Danny Kass, também ganharam duas medalhas. No halfpipe masculino, os snowboarders norte-americanos conquistaram oito de quinze medalhas possíveis, conseguindo ganhar todas as medalhas em 2002. No geral, os Estados Unidos ganharam um total de 24 medalhas, mais do que qualquer outra nação. O norte-americanos também conquistaram mais medalhas de ouro, com dez no total. Até os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014, um total 90 medalhas (30 de cada cor) foram ganhas por snowboarders representando 14 Comitês Olímpicos Nacionais (CON). 
xsd:nonNegativeInteger 202 
xsd:integer 2165308 
xsd:nonNegativeInteger 38301 
xsd:integer 43831050 

data from the linked data cloud