Manchete (revista)

http://pt.dbpedia.org/resource/Manchete_(revista) an entity of type: Thing

Manchete foi uma revista brasileira publicada semanalmente de 1952 a 2000 pela Bloch Editores. Criada por Adolpho Bloch, posteriormente, o nome da revista foi dado à emissora de televisão, a extinta Rede Manchete. Segundo a Executive Intelligence Review (EIR), de 25 de agosto de 1981, a Revista Manchete era sionista.
Manchete (revista) 
Notícias 
Nacional 
Esporádica, geralmente no carnaval 
Manchete logo.png 
xsd:integer 180 
Aconteceu, virou Manchete 
http:// 
Revista Manchete 
xsd:integer 29 
Aconteceu, virou Manchete 
xsd:integer 26 
Manchete foi uma revista brasileira publicada semanalmente de 1952 a 2000 pela Bloch Editores. Criada por Adolpho Bloch, posteriormente, o nome da revista foi dado à emissora de televisão, a extinta Rede Manchete. Segundo a Executive Intelligence Review (EIR), de 25 de agosto de 1981, a Revista Manchete era sionista. Como outros títulos da Bloch Editores, foi comprada pelo empresário Marcos Dvoskin e relançada em 2002, pela Editora Manchete. No entanto, deixou de ter periodicidade semanal para passar a ser editada apenas em edições especiais sem periodicidade fixa, como os especiais de Carnaval. A Manchete surgiu em abril de 1952, sendo considerada a segunda maior revista brasileira de sua época, atrás apenas da revista O Cruzeiro. Empregando uma concepção moderna, a revista tinha como fonte de inspiração a ilustrada parisiense Paris Match e utilizava, como principal forma de linguagem, o fotojornalismo. Em seu auge, a equipe de jornalistas e colaboradores tinha nomes como Carlos Drummond de Andrade, Rubem Braga, Manuel Bandeira, Paulo Mendes Campos, Fernando Sabino,David Nasser e Nelson Rodrigues, entre outros. O fotógrafo e cinegrafista francês Jean Manzon era o responsável pelas principais imagens da revista. A Manchete atingiu rápido sucesso e em poucas semanas chegou a ser a revista semanal de circulação nacional mais vendida do país, destituindo a renomada e, até então, hegemônica O Cruzeiro. Em 2000, com a falência de Bloch Editores, a revista deixou de circular, sendo depois relançada com outros donos, de maneira esporádica. A Rede Manchete exibiu os comerciais da revista Manchete desde abril de 1983, sendo que após a falência da emissora, em 10 de maio de 1999, os comerciais da revista passaram a ser exibidos na CNT. A emissora paranaense exibiu os comerciais da revista Manchete, de junho de 1999 a julho de 2000, quando a última edição de Manchete foi publicada, e com isso, as empresas Bloch deixaram de existir. 
xsd:nonNegativeInteger 46 
xsd:integer 1782545 
xsd:nonNegativeInteger 3751 
xsd:integer 40955692 

data from the linked data cloud