Magia negra

http://pt.dbpedia.org/resource/Magia_negra

A magia negra é o uso de forças sobrenaturais para o propósitos maléficos e egoístas. Tal comunicação pode ser feita de várias maneiras, inclusive através da transcendência, que significa a prática de se tentar que o espírito saia do corpo do praticante e fique flutuando no ar, procurando contato com outros espíritos afins. Em relação ao Caminho da Mão Esquerda e Caminho da Mão Direita, a magia negra seria a "mão esquerda" da benevolente magia branca.
Magia negra 
A magia negra é o uso de forças sobrenaturais para o propósitos maléficos e egoístas. Tal comunicação pode ser feita de várias maneiras, inclusive através da transcendência, que significa a prática de se tentar que o espírito saia do corpo do praticante e fique flutuando no ar, procurando contato com outros espíritos afins. Em relação ao Caminho da Mão Esquerda e Caminho da Mão Direita, a magia negra seria a "mão esquerda" da benevolente magia branca. A magia negra representa um conjunto bastante amplo de diversos sistemas mágicos, de origens diversas, tal como a cabala originária dos povos semitas, ou do antigo culto politeísta dos sumérios, acadianos, amoritas, assírios e caldeus, todos povos mesopotâmicos, o termo "magia negra" ainda pode designar práticas mágicas e rituais cerimoniais de alguns antigos cultos praticados pelos persas, egípcios, fenícios, e povos europeus como gregos, romanos, celtas ou escandinavos. A magia negra ainda está ligada à correntes do hermetismo e possui uma ramificação originária da antiga cabala judaica denominada goécia, esta crê-se ser uma prática de magia que foi revelada por Deus ao rei Salomão permitindo que ele invocasse 72 anjos e demônios e sobe seu controle executassem todos os seus anseios, através desta magia acredita-se originar toda a riqueza e a sabedoria que imortalizaram Salomão. A magia negra ainda pode confundir com satanismo, porém este é outro sistema oculto, que se ocupa pela adoração ou realização de pactos ou acordos com satanás ou Lúcifer. Em todos esses diversos sistemas mágicos há invocações de espíritos, anjos e demônios que sobre a autoridade mágica do mago deverá responder à perguntas, revelar passado, presente e futuro e até mesmo intervir no mundo e em seus acontecimentos em favor do mago. Alguns estudiosos como Carroll Poke Runyon, destacam que na realidade essas formas de manifestações mágicas são conduzidas completamente de acordo com a vontade do mago, que este de ser firme em suas convicções e que jamais deve-se recorrer a essas práticas para produzir mal a terceiros, a magia negra, portanto é uma forma de manifestação sobrenatural controlada pelo mago e, logo não poderá ser operada por pessoas que tendenciam-se ao vício, à degradação e ao egoísmo, pois caso contrário estaria-se concedendo um poder muito grande à quem não pode controlá-lo o que é tanto perigoso à terceiros quanto para a próprio mago. Os indivíduos que iniciam as suas práticas neste campo invocam essas entidades em grandes cerimoniais ritualísticos, e uma vez diante dessas entidades consultam o passado, presente e futuro, buscam aprofundamento no conhecimento oculto e podem pedir alguma vantagem ou coisa que o valha. A invocação de anjos demônios e espíritos são práticas comuns da magia negra. Já as práticas do vodu, do candomblé constituem outro tipo de magia muito peculiar aos povos de origem africana, assim como nessas religiões a magia negra não está direcionada para fazer o bem ou o mal, bem e mal são conceitos que se referem à atitude, à atividade e à conduta humana, bem e mal na realidade representam limites da ética. 
xsd:nonNegativeInteger 36 
xsd:integer 391480 
xsd:nonNegativeInteger 8248 
xsd:integer 44591766 

data from the linked data cloud