Kenneth Arrow

http://pt.dbpedia.org/resource/Kenneth_Arrow an entity of type: Thing

Kenneth Joseph Arrow (Nova Iorque, 23 de agosto de 1921) é um economista estadunidense.Recebeu o Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel de 1972. É considerado um dos fundadores da moderna (pós Segunda Guerra Mundial) economia neoclássica.Seus trabalhos mais significativos são suas contribuições à teoria da escolha social, notadamente, "Arrow's impossibility theorem" (Teorema da impossibilidade de Arrow), e seu trabalho na análise de general equilibrium (equilíbrio geral).
Kenneth Arrow 
xsd:integer 1972 
com 
Kenneth Arrow, Stanford University.jpg 
Estadunidense 
Kenneth Arrow 
xsd:integer 20 
sim 
Kenneth Joseph Arrow (Nova Iorque, 23 de agosto de 1921) é um economista estadunidense. Recebeu o Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel de 1972. É considerado um dos fundadores da moderna (pós Segunda Guerra Mundial) economia neoclássica. Seus trabalhos mais significativos são suas contribuições à teoria da escolha social, notadamente, "Arrow's impossibility theorem" (Teorema da impossibilidade de Arrow), e seu trabalho na análise de general equilibrium (equilíbrio geral). O economista americano Kenneth Arrow é provavelmente conhecido sobretudo pela sua dissertação de doutoramento (no qual se baseia a sua obra Social Choice and Individual Values), onde demostra o seu famoso "teorema da impossibilidade". Arrow provou que, tendo em conta certos pressupostos sobre as preferências das pessoas por certas opções, é sempre impossível encontrar uma regra de eleição através da qual uma opção surja como a preferida. O exemplo mais simples é o paradoxo de Condorcet, cujo nome é uma homenagem ao matemático francês sec XVIII. O paradoxo de Condorcet consiste no seguinte: Existem 3 candidatos à presidência, por ex. A, B e C. Um terço dos eleitores ordena-os como A, B e C; outro terço ordena-os como B, C e A; o último terço alinha-os como C, A e B. Assim, existe uma maioria que prefere A a B e outra maioria que prefere B a C. Aparentemente a maioria prefere A a C, mas de facto a maioria prefere C a A. 
xsd:nonNegativeInteger 36 
Kenneth Arrow 
xsd:integer 75360 
xsd:nonNegativeInteger 4146 
xsd:integer 44161214 

data from the linked data cloud