Jorge Amado

http://pt.dbpedia.org/resource/Jorge_Amado an entity of type: Thing

Jorge Leal Amado de Faria (Itabuna, 10 de agosto de 1912 — Salvador, 6 de agosto de 2001) foi um dos mais famosos e traduzidos escritores brasileiros de todos os tempos. Integrou os quadros da intelectualidade comunista brasileira desde o final da primeira metade do século XX - ideologia presente em várias obras, como a retratação dos moradores do trapiche baiano em Capitães da Areia, de 1937.Jorge foi superado, em número de vendas, apenas por Paulo Coelho. Mas em seu estilo - o romance ficcional -, não há paralelo no Brasil. Em 1994, a sua obra foi reconhecida com o Prémio Camões.
Jorge Amado 
sim 
xsd:integer 1959 
xsd:integer 1961 
xsd:integer 1969 
xsd:integer 1994 
xsd:integer 1995 
— 
xsd:integer 200 
Jorge Amado 
Matilde Garcia Rosa 
Pedro Antonio de Oliveira Ribeiro Neto 
Eulália Dalila Amado 
João Jorge Amado 
Paloma Jorge Amado 
Jorge Amado caricatura.jpg 
Caricatura ilustrando Jorge Amado 
Gabriela, Cravo e Canela 
Salvador, 
brasileiro 
Itabuna, 
Jorge Amado 
Capitães da Areia 
Dona Flor e Seus Dois Maridos 
Gabriela, Cravo e Canela 
Mar Morto 
Tieta do Agreste 
Escritor, jornalista e político 
xsd:integer 20 
Jorge Amado 
Jorge Leal Amado de Faria (Itabuna, 10 de agosto de 1912 — Salvador, 6 de agosto de 2001) foi um dos mais famosos e traduzidos escritores brasileiros de todos os tempos. Integrou os quadros da intelectualidade comunista brasileira desde o final da primeira metade do século XX - ideologia presente em várias obras, como a retratação dos moradores do trapiche baiano em Capitães da Areia, de 1937. Jorge é o autor mais adaptado do cinema, do teatro e da televisão. Verdadeiros sucessos como Dona Flor e Seus Dois Maridos, Tenda dos Milagres, Tieta do Agreste, Gabriela, Cravo e Canela e Tereza Batista Cansada de Guerra foram criações suas.A obra literária de Jorge Amado – 49 livros, ao todo – também já foi tema de escolas de samba por todo o País. Seus livros foram traduzidos em 80 países, em 49 idiomas, bem como em braille e em fitas gravadas para cegos. Jorge foi superado, em número de vendas, apenas por Paulo Coelho. Mas em seu estilo - o romance ficcional -, não há paralelo no Brasil. Em 1994, a sua obra foi reconhecida com o Prémio Camões. 
xsd:nonNegativeInteger 339 
xsd:integer 10223 
xsd:nonNegativeInteger 31319 
xsd:integer 44754057 

data from the linked data cloud