Jardins Suspensos da Babilónia

http://pt.dbpedia.org/resource/Jardins_Suspensos_da_Babilónia

Os Jardins Suspensos da Babilônia são uma das sete maravilhas do mundo antigo. São, talvez, uma das maravilhas relatadas sobre a qual menos se sabe. Muito se especula sobre suas possíveis formas e dimensões, mas nenhuma descrição detalhada ou vestígio arqueológico foi encontrada, exceto um poço fora do comum que parece ter sido usado para bombear água.Alternativamente, o jardim original pode ter sido, na verdade, um bem documentado que o rei assírio Senaqueribe (704-681 a.C.) construiu em sua capital, Nínive, sobre o rio Tigre, próximo da cidade de Mossul.
Jardins Suspensos da Babilónia 
Os Jardins Suspensos da Babilônia são uma das sete maravilhas do mundo antigo. São, talvez, uma das maravilhas relatadas sobre a qual menos se sabe. Muito se especula sobre suas possíveis formas e dimensões, mas nenhuma descrição detalhada ou vestígio arqueológico foi encontrada, exceto um poço fora do comum que parece ter sido usado para bombear água. Tradicionalmente, acredita-se que tenha sido construído na antiga cidade da Babilônia, próximo de onde atualmente se localiza a cidade de Hillah, no Iraque. Nas obras de Josefo, encontram-se citações ao sacerdote babilônico Beroso, que teria escrito em aproximadamente 290 a.C. que os jardins suspensos eram obra do rei neobabilônico Nabucodonosor II, que governou entre 605 e 562 a.C.. Não há textos babilônicos existentes que mencionem os jardins e tampouco foram encontradas evidências arqueológicas na Babilônia que comprovassem sua existência. Em virtude da falta de evidências, tem sido sugerido que os Jardins Suspensos são puramente míticos, e que as descrições encontradas nos escritos gregos e romanos antigos (incluindo Estrabão, Diodoro Sículo e Quinto Cúrcio Rufo) representam apenas um ideal romântico de um jardim oriental. Se ele de fato existiu, foi destruído em algum momento após o primeiro século d.C. Alternativamente, o jardim original pode ter sido, na verdade, um bem documentado que o rei assírio Senaqueribe (704-681 a.C.) construiu em sua capital, Nínive, sobre o rio Tigre, próximo da cidade de Mossul. 
xsd:nonNegativeInteger 38 
xsd:integer 41324 
xsd:nonNegativeInteger 11436 
xsd:integer 43532509 

data from the linked data cloud