Ilya Ilyich Mechnikov

http://pt.dbpedia.org/resource/Ilya_Ilyich_Mechnikov an entity of type: Thing

Ilya Ilyich Mechnikov (Carcóvia, 16 de maio de 1845 — Paris, 16 de julho de 1916) foi um biólogo microbiologista e anatomista russo.Recebeu o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1908, juntamente com Paul Ehrlich, pelos seus trabalhos sobre imunidade.Distinguiu-se pelos seus estudos em imunologia e especialmente no papel representado pelos leucócitos na fagocitose de bactérias.Além do Nobel recebeu muitas distinções, entre elas D. Sc. honorário da Universidade de Cambridge, a Copley Medal of the Royal Society. Morreu em Paris após sucessivos ataques cardíacos.
Ilya Ilyich Mechnikov 
xsd:integer 1906 
xsd:integer 1908 
com Paul Ehrlich 
Ilya Mechnikov nobel.jpg 
Russo 
Ilya Ilyich Mechnikov 
xsd:integer 20 
sim 
Ilya Ilyich Mechnikov (Carcóvia, 16 de maio de 1845 — Paris, 16 de julho de 1916) foi um biólogo microbiologista e anatomista russo. Recebeu o Nobel de Fisiologia ou Medicina de 1908, juntamente com Paul Ehrlich, pelos seus trabalhos sobre imunidade. Distinguiu-se pelos seus estudos em imunologia e especialmente no papel representado pelos leucócitos na fagocitose de bactérias. Filho de um oficial da Guarda Imperial e de mãe judia, foi educado em escolas de Kharkoff. Entrou para a Universidade de Kharkoff para estudar ciências naturais. Após se graduar (1865), esteve na Universidade de Giessen, Universidade de Göttingen, Academia de Belas Artes de Munique e Nápoles, onde preparou sua tese de doutorado em desenvolvimento embrionário. Retornou à Rússia como docente da recém-fundada Universidade de Odessa e da Universidade de São Petersburgo. Casou-se com sua primeira esposa Ludmilla Feodorovitch, que morreu cinco anos depois, de tuberculose (1873). Foi apontado professor titular de zoologia e anatomia comparativa da Universidade de Odessa (1870). Casou-se com Olga (1875) que sofreu grave ataque de febre tifóide (1880), que o levou a se dedicar a pesquisas sobre imunidade, a fim de salvar sua segunda esposa. Com o assassinato de Alexandre II, foi para Messina para continuação de suas pesquisas em um laboratório privado. Publicou em Odessa (1883) seu primeiro artigo científico em fagocitose. Deixou Odessa (1888) e foi para Paris trabalhar no Instituto Pasteur onde permaneceu pelo resto da sua vida, trabalhando especialmente em embriologia de invertebrados. Além do Nobel recebeu muitas distinções, entre elas D. Sc. honorário da Universidade de Cambridge, a Copley Medal of the Royal Society. Morreu em Paris após sucessivos ataques cardíacos. 
xsd:nonNegativeInteger 54 
Ilya Ilyich Mechnikov 
xsd:integer 130548 
xsd:nonNegativeInteger 4242 
xsd:integer 44586493 

data from the linked data cloud