Guilherme Paraense

http://pt.dbpedia.org/resource/Guilherme_Paraense an entity of type: Thing

Guilherme Paraense (Belém, 25 de junho de 1884 — Rio de Janeiro, 18 de abril de 1968) foi o primeiro esportista brasileiro a conquistar uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, no tiro. Foi atleta do Fluminense Football Club.Com tantos percalços, a equipe brasileira chegou aos Jogos de moral baixa, com fome e sem material esportivo. Impressionados com a situação dos colegas, os atiradores americanos lhes emprestaram armas e munição, modernas e fabricadas especialmente pela Colt, e com elas os brasileiros derrotaram seus benfeitores, ganhando ouro, prata e bronze no Tiro.
Guilherme Paraense 
Paraense.jpg 
Rio de Janeiro, Brasil 
brasileira 
Guilherme Paraense 
Campeão olímpico 
xsd:integer 125 
Campeão olímpico 
Guilherme Paraense (Belém, 25 de junho de 1884 — Rio de Janeiro, 18 de abril de 1968) foi o primeiro esportista brasileiro a conquistar uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos, no tiro. Foi atleta do Fluminense Football Club. Militar integrante do Exército Brasileiro, com a patente de tenente, Paraense embarcou para Antuérpia, em 1920, com mais sete companheiros a bordo do navio Curvello, todos por conta própria, e desceram em Lisboa, de onde prosseguiram de trem até a Bélgica, informados de que o navio não chegaria a Antuérpia a tempo de participarem das provas. Depois de uma viagem de 27 dias, na conexão em Bruxelas parte das armas e a munição de Paraense foram roubadas. Com tantos percalços, a equipe brasileira chegou aos Jogos de moral baixa, com fome e sem material esportivo. Impressionados com a situação dos colegas, os atiradores americanos lhes emprestaram armas e munição, modernas e fabricadas especialmente pela Colt, e com elas os brasileiros derrotaram seus benfeitores, ganhando ouro, prata e bronze no Tiro. Paraense venceu a prova de pistola rápida, acertando na mosca na prova de desempate individual e conquistando a primeira medalha de ouro olímpica brasileira, em 3 de agosto de 1920, e foi medalha de bronze por equipe na prova de pistola livre. Ele morreu aos 83 anos de enfarte no Rio de Janeiro em 1968, mais conhecido e reverenciado na Europa que no Brasil. O polígono de tiro da Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende, leva seu nome em sua homenagem. 
xsd:nonNegativeInteger 52 
Guilherme Paraense 
xsd:integer 365267 
xsd:nonNegativeInteger 4038 
xsd:integer 44286335 

data from the linked data cloud