Erro do tipo I

http://pt.dbpedia.org/resource/Erro_do_tipo_I

Em Estatística, um erro do tipo I consiste em, num testes de hipóteses, rejeitar a hipótese nula quando ela é verdadeira.Por outras palavras, comete-se um erro do tipo I quando se chega a um resultado que tem significância estatística quando na verdade ele aconteceu por acaso. Este erro é por isso também chamado de Falso Positivo. Porém o termo Falso positivo pode ter com diferentes significados quer se trate de Medicina ou Informática sem estar forçosamente relacionado com um estudo estatístico anteriormente feito ou em curso.
Erro do tipo I 
Em Estatística, um erro do tipo I consiste em, num testes de hipóteses, rejeitar a hipótese nula quando ela é verdadeira. Por outras palavras, comete-se um erro do tipo I quando se chega a um resultado que tem significância estatística quando na verdade ele aconteceu por acaso. Este erro é por isso também chamado de Falso Positivo. Porém o termo Falso positivo pode ter com diferentes significados quer se trate de Medicina ou Informática sem estar forçosamente relacionado com um estudo estatístico anteriormente feito ou em curso. A probabilidade de cometer um erro do tipo I num teste de hipóteses é denominada significância do teste e representa-se pela letra grega α. Conhecendo-se a distribuição estatística da variável aleatória usada no teste, é possível determinar à partida a probabilidade deste erro, o que se reflete nos limites a partir dos quais se decide rejeitar ou não a hipótese nula. Os testes de hipóteses são normalmente realizados fixando à partida o seu nível de significância. Os níveis de significância mais utilizados são de 5%, 1% e 0,1%. Por exemplo, ao fixar um nível de significância de 5% num determinado teste, estamos a afirmar que em 5% das vezes rejeitaremos a hipótese nula sendo esta verdadeira. Diferentes níveis de significância poderão levar a conclusões diferentes. Por exemplo, é possível, para um mesmo caso, rejeitar a hipótese nula a um nível de significância de 5% mas já não a rejeitar a um nível de significância de 1%. O outro tipo de erro, que acontece quando não se rejeita a hipótese nula quando esta é falsa, é denominado erro do tipo II. 
xsd:nonNegativeInteger 13 
xsd:integer 53948 
xsd:nonNegativeInteger 2203 
xsd:integer 44447862 

data from the linked data cloud