Era dos Descobrimentos

http://pt.dbpedia.org/resource/Era_dos_Descobrimentos

Era dos descobrimentos (ou das Grandes Navegações) é a designação dada ao período da história que decorreu entre o século XV e o início do século XVII, durante o qual, inicialmente, portugueses, depois espanhóis e, posteriormente, alguns países europeus exploraram intensivamente o globo terrestre em busca de novas rotas de comércio. Os historiadores geralmente referem-se à "era dos descobrimentos" como as explorações marítimas pioneiras realizadas por portugueses e espanhóis entre os séculos XV e XVI, que estabeleceram relações com África, Américas e Ásia, em busca de uma rota alternativa para as "Índias", movidos pelo comércio de ouro, prata e especiarias. Estas explorações no Atlântico e Índico foram seguidas por outros países da Europa, França, Inglaterra e Países Baixos, que exploraram
Era dos Descobrimentos 
xsd:integer 1970  1970.2  1977  1981  1992  1997  1998  2002  2006 
Mancall, Peter C. 
Arnold, David 
Bailey, Diffie 
Carmen Bernand, Cristina Murachco 
Crosby, Alfred W., Jr 
Jensen, De Lamar 
Lash,Donald F., Edwin J. Van Kley 
Love, Ronald S. 
Parry, J. H 
Eileen H., Tamura, Linda K. Mention, Noren W. Lush, Francis K.C. Tsui, Warren Cohen 
xsd:integer
Teorema 
Pelican 
University of Chicago Press 
EdUSP 
Greenwood Press 
Greenwood Publishing Group 
Oxford University Press US 
University of California Press 
University of Hawaii Press 
University of Minnesota Press 
D.C. Heath 
Lancaster pamphlets, Routledge 
Companhia de Letras 
ISBN 0-19-515597-1 
ISBN 0-275-98092-8 
ISBN 0-313-32043-8 
ISBN 0-415-27996-8 
ISBN 0-520-04237-9 
ISBN 0-520-08116-1 
ISBN 0-669-20007-7 
ISBN 0-8032-5049-5 
ISBN 0-8166-0782-6 
ISBN 0-8248-1923-3 
ISBN 0226467686 
ISBN 85-314-0101-1 
ISBN 85-359-0292-9 
ISBN 972-695-178-X 
inglês 
português 
Londres 
Arnold 2002 
Mancall 2006 
Tamura 1997 
xsd:integer 300 
Da descoberta à conquista, uma experência Europeia 
Asia in the Making of Europe 
China: Understanding Its Past 
European Culture and Overseas Expansion 
O império marítimo português, 1415-1825 
The Age of Discovery, 1400–1600 
Travel narratives from the age of discovery: an anthology 
Civilização material, economia e capitalismo, séculos XV-XVIII 
Renaissance Europe: age of recovery and reconciliation 
http://books.google.com/books?id=YGufteqeJA4C&lpg=1 
http://books.google.com/books?id=M4t8S7BfgeIC&lpg=PA1397&dq=ternate%20tidore%20portuguese%20spanish%20conflict&pg=PA1397#v=onepage&q&f=false 
http://books.google.com/books?id=hNUROuYfFb4C&lpg=1 
II 
Era dos descobrimentos (ou das Grandes Navegações) é a designação dada ao período da história que decorreu entre o século XV e o início do século XVII, durante o qual, inicialmente, portugueses, depois espanhóis e, posteriormente, alguns países europeus exploraram intensivamente o globo terrestre em busca de novas rotas de comércio. Os historiadores geralmente referem-se à "era dos descobrimentos" como as explorações marítimas pioneiras realizadas por portugueses e espanhóis entre os séculos XV e XVI, que estabeleceram relações com África, Américas e Ásia, em busca de uma rota alternativa para as "Índias", movidos pelo comércio de ouro, prata e especiarias. Estas explorações no Atlântico e Índico foram seguidas por outros países da Europa, França, Inglaterra e Países Baixos, que exploraram as rotas comerciais portuguesas e espanholas até ao oceano Pacífico, chegando à Austrália em 1606 e à Nova Zelândia em 1642. A exploração europeia perdurou até realizar o mapeamento global do mundo, resultando numa nova mundivisão e no contacto entre civilizações distantes, alcançando as fronteiras mais remotas muito mais tarde, já no século XX. A era dos descobrimentos marcou a passagem do feudalismo da Idade Média para a Idade Moderna, com a ascensão dos estados-nação europeus. Durante este processo, os europeus encontraram e documentaram povos e terras nunca antes vistas. Juntamente com o Renascimento e a ascensão do humanismo, foi um importante motor para o início da modernidade, estimulando a pesquisa científica e intelectual. A expansão europeia no exterior levou ao surgimento dos impérios coloniais, com o contacto entre o Velho e o Novo Mundo a produzir o chamado "intercâmbio colombiano" (Columbian Exchange), que envolveu a transferência de plantas, animais, alimentos e populações humanas (incluindo os escravos), doenças transmissíveis e culturas entre os hemisfério ocidental e oriental, num dos mais significativos eventos globais da ecologia, agricultura e cultura da história. Entre os mais famosos exploradores deste período, destacam-se Cristóvão Colombo (pela descoberta da América), Vasco da Gama (do caminho marítimo para a Índia), Pedro Álvares Cabral, Bartolomeu Dias, Américo Vespúcio, John Cabot, Fernão de Magalhães, Willem Barents, Zheng He, Abel Tasman, Vicente Yáñez Pinzón e James Cook. 
xsd:integer 328904 
xsd:integer 44452890 
xsd:nonNegativeInteger 840 
xsd:nonNegativeInteger 105358 

data from the linked data cloud