Duque de Saldanha

http://pt.dbpedia.org/resource/Duque_de_Saldanha

Duque de Saldanha foi um título nobiliárquico de juro e herdade criado pela Rainha D. Maria II de Portugal, por decreto de 4 de novembro de 1846, a favor do marechal D. João Carlos Gregório Domingos Vicente Francisco de Saldanha Oliveira e Daun, 1.º conde e marquês de Saldanha. Antes da elevação a duque o marechal já tinha sido agraciado com os títulos nobiliárquicos de conde de Saldanha, em 14 de janeiro de 1833, e de marquês de Saldanha, em 27 de maio de 1834. Ao Ducado de Saldanha foram concedidas Honras de Parente da Casa Real pelo Rei D. Luís I de Portugal por decreto de 30 de outubro de 1862 e o direito ao tratamento de Dom para todos os descendentes directos, incluindo a linha feminina..
Duque de Saldanha 
Duque de Saldanha foi um título nobiliárquico de juro e herdade criado pela Rainha D. Maria II de Portugal, por decreto de 4 de novembro de 1846, a favor do marechal D. João Carlos Gregório Domingos Vicente Francisco de Saldanha Oliveira e Daun, 1.º conde e marquês de Saldanha. Antes da elevação a duque o marechal já tinha sido agraciado com os títulos nobiliárquicos de conde de Saldanha, em 14 de janeiro de 1833, e de marquês de Saldanha, em 27 de maio de 1834. Ao Ducado de Saldanha foram concedidas Honras de Parente da Casa Real pelo Rei D. Luís I de Portugal por decreto de 30 de outubro de 1862 e o direito ao tratamento de Dom para todos os descendentes directos, incluindo a linha feminina.. Também à Casa de Saldanha pertence o título de conde de Almoster, concedido primeiramente a D. Augusto Carlos de Saldanha D'Oliveira e Daun, primogénito do então 1.º marquês de Saldanha, título destinado a ser usado pelos herdeiros da Casa de Saldanha. Com a elevação da Casa a Ducado, o herdeiro dos Duques de Saldanha passou a usar os títulos de conde e marquês de Saldanha, ficando o título de conde de Almoster reservado para filhos segundos dos Duques. Ao 1.º duque de Saldanha, Marechal D. João Carlos Gregório Domingos Vicente Francisco de Saldanha Oliveira e Daun (1790-1876) foi concedida a honra excepcional de ser sepultado no Panteão Real de São Vicente de Fora (Panteão dos Braganças), por especial ordem régia de D. Luís I de Portugal de 21 de novembro de 1880. Para além do 1.º duque de Saldanha esta honra apenas foi concedida ao 1.º duque da Terceira. 
xsd:nonNegativeInteger 58 
xsd:integer 36146 
xsd:nonNegativeInteger 4692 
xsd:integer 43195717 

data from the linked data cloud