Cut the Rope

http://pt.dbpedia.org/resource/Cut_the_Rope an entity of type: Thing

Cut the Rope é um jogo eletrônico de quebra-cabeça desenvolvido pela ZeptoLab e publicado pela Chillingo, lançado em 4 de outubro de 2010 para dispositivos com iOS, 1º de julho de 2011 para dispositivos com Android, em 22 de setembro de 2011 na DSiWare européia e em 3 de novembro do mesmo ano na DSiWare norte-americana. O jogo teve mais de 400 milhões de downloads em todas as plataformas (segundo a descrição do jogo na Google Play) , e entre eles mais de vinte milhões foram pagos, chegando a ganhar os prêmios de "Melhor Jogo para Dispositivos Portáteis" da British Academy of Film and Television Arts e do Game Developers Choice Awards de 2011.
Cut the Rope 
Android 1.6 ou superior 
iOS 3.0 ou superior 
touchscreen 
Cut the Rope logo.png 
Logotipo do jogo eletrônico Cut the Rope. 
xsd:integer 175 
xsd:integer --09-25 
Metacritic 
Mobygames 
Um 
Melhor Jogo para Plataformas Móveis 
Slide to Play 
Cut the Rope 
Recepção 
xsd:integer 16  131 
Nintendo 3DS 
Nintendo 
xsd:integer 93 
xsd:integer 90 
British Academy of Film and Television Arts 
Game Developers Choice Awards 
xsd:integer 100 
xsd:integer 90 
xsd:integer 90 
1.3.1 (Android) 
1.6 (iOS) 
Android 1.6 ou superior 
iOS 3.0 ou superior 
Cut the Rope é um jogo eletrônico de quebra-cabeça desenvolvido pela ZeptoLab e publicado pela Chillingo, lançado em 4 de outubro de 2010 para dispositivos com iOS, 1º de julho de 2011 para dispositivos com Android, em 22 de setembro de 2011 na DSiWare européia e em 3 de novembro do mesmo ano na DSiWare norte-americana. O jogo teve mais de 400 milhões de downloads em todas as plataformas (segundo a descrição do jogo na Google Play) , e entre eles mais de vinte milhões foram pagos, chegando a ganhar os prêmios de "Melhor Jogo para Dispositivos Portáteis" da British Academy of Film and Television Arts e do Game Developers Choice Awards de 2011. Em Cut the Rope, o objetivo do jogador é alimentar um pequeno monstro denominado Om Nom com um doce, este pendurado em uma corda, também coletando estrelas no meio do caminho, que dão acesso a mais níveis. Simples nos primeiros níveis, o jogo vai ganhando obstáculos, como aranhas que fazem competição com o monstro para comer o doce, várias cordas, espinhos e barreiras de energia que destroem o doce, além do fato de que em alguns níveis as estrelas, se não atingidas em um certo período de tempo, desaparecem. para alimentar o Om Nom, é necessário cortar as cordas em que o doce está preso, daí o nome do jogo. O jogo obteve uma recepção muito positiva, alcançando a pontuação de 93/100 no website Metacritic, apenas com críticas positivas. Na App Store alcançou uma média de 5/5 estrelas, baseadas em mais de 225 mil avaliações de usuários, enquanto no google play teve uma média de 4,7/5 estrelas, baseadas em mais de 20 mil avaliações de usuários. O jogo teve uma sequência denominada Cut the Rope: Experiments, lançada em 4 de agosto de 2011. Nela, ao invés de alimentar o monstro Om Nom, o jogador é um cientista que faz experiências no âmbito de descobrir o que é na realidade o pequeno monstro. Contudo, por mais que sejam introduzidos alguns elementos novos na jogabilidade, não ocorrem grandes modificações no jogo em geral. 
xsd:nonNegativeInteger 95 
Cut the Rope 
xsd:integer 3490160 
xsd:nonNegativeInteger 18289 
xsd:integer 44434829 

data from the linked data cloud