Crítica textual

http://pt.dbpedia.org/resource/Crítica_textual

Em filologia, crítica textual ou ecdótica (do grego ékdotos: "edito") é a arte cuja finalidade é a de aproximar o texto tanto quanto possível da sua forma originária, isto é, da forma pretendida pelo autor. A ecdótica trata, portanto, de restituir, por meio de minuciosas regras de hermenêutica e exegese, a forma mais próxima do que seria a redação inicial de um texto, a fim de estabelecer a sua edição definitiva.
Crítica textual 
Em filologia, crítica textual ou ecdótica (do grego ékdotos: "edito") é a arte cuja finalidade é a de aproximar o texto tanto quanto possível da sua forma originária, isto é, da forma pretendida pelo autor. A ecdótica trata, portanto, de restituir, por meio de minuciosas regras de hermenêutica e exegese, a forma mais próxima do que seria a redação inicial de um texto, a fim de estabelecer a sua edição definitiva. A crítica textual - também chamada de baixa crítica ou crítica documental - estuda os textos antigos e a sua preservação (ou corrupção) ao longo do tempo, visando reconstituí-los com base na documentação disponível, enquanto a alta crítica tem como foco não só a recuperação do texto em si, mas também outros aspectos, tais como a autoria e o contexto da obra. 
xsd:nonNegativeInteger 32 
xsd:integer 1346669 
xsd:nonNegativeInteger 4109 
xsd:integer 43466825 

data from the linked data cloud