Contos de fadas

http://pt.dbpedia.org/resource/Contos_de_fadas

Os contos de fadas são uma variação do conto popular ou fábula. Geralmente é uma narrativa curta cuja história se reproduz a partir de um motivo principal para transmitir conhecimento e valores culturais de geração para geração, transmitida oralmente, onde o herói ou heroína tem de enfrentar grandes obstáculos antes de vencer o mal. O leitor encontra personagens e situações que fazem parte do seu cotidiano e do seu universo individual, com conflitos, medos e sonhos. A rivalidade de gerações, a convivência de crianças e adultos, as etapas da vida (nascimento, amadurecimento, velhice e forte), bem como sentimentos que fazem parte de cada um (amor, ódio, inveja e amizade) são apresentados para oferecer uma explicação do mundo que nos rodeia e nos permite criar formas de lidar com isso.
Contos de fadas 
Os contos de fadas são uma variação do conto popular ou fábula. Geralmente é uma narrativa curta cuja história se reproduz a partir de um motivo principal para transmitir conhecimento e valores culturais de geração para geração, transmitida oralmente, onde o herói ou heroína tem de enfrentar grandes obstáculos antes de vencer o mal. O leitor encontra personagens e situações que fazem parte do seu cotidiano e do seu universo individual, com conflitos, medos e sonhos. A rivalidade de gerações, a convivência de crianças e adultos, as etapas da vida (nascimento, amadurecimento, velhice e forte), bem como sentimentos que fazem parte de cada um (amor, ódio, inveja e amizade) são apresentados para oferecer uma explicação do mundo que nos rodeia e nos permite criar formas de lidar com isso. Entre os grandes autores, além dos irmãos Grimm, encontram-se o francês Charles Perrault, que deu vida à Chapeuzinho Vermelho, Bela Adormecida, Pequeno Polegar e Gato de Botas; Andersen, que nos presenteou com a história do Patinho Feio; Gabrielle-Suzanne Barbot, a Dama de Villeneuvee com A Bela e a Fera e Charles Dickens, com o Conto de Natal e a história de Oliver Twist. No Brasil, a maior conquista foi Monteiro Lobato, cuja obra ainda hoje serve de base ao início literário de muitas crianças. Caracteristicamente os contos envolvem algum tipo de magia, metamorfose ou encantamento, e apesar do nome, animais falantes são muito mais comuns neles do que as fadas propriamente ditas. Alguns exemplos: "Rapunzel", "Branca de Neve e os Sete Anões" e "A Bela e a Fera". 
xsd:nonNegativeInteger 163 
xsd:integer 305461 
xsd:nonNegativeInteger 27297 
xsd:integer 44883627 

data from the linked data cloud