Constituição espanhola de 1931

http://pt.dbpedia.org/resource/Constituição_espanhola_de_1931

A Constituição Espanhola de 1931 foi aprovada a 9 de Dezembro de 1931 pelas Cortes Constituyentes após as eleições desse ano que originaram a proclamação da Segunda República Espanhola. Esteve em vigor até o final da Guerra Civil Espanhola em 1939. A República espanhola no exílio continuou reconhecendo a sua vigência até 1977, quando o processo político da chamada Transição Espanhola permitiu a redação de uma nova Constituição democrática.A constituição organizava-se em 9 capítulos (125 artigos ao todo) e duas disposições transitórias.
Constituição espanhola de 1931 
A Constituição Espanhola de 1931 foi aprovada a 9 de Dezembro de 1931 pelas Cortes Constituyentes após as eleições desse ano que originaram a proclamação da Segunda República Espanhola. Esteve em vigor até o final da Guerra Civil Espanhola em 1939. A República espanhola no exílio continuou reconhecendo a sua vigência até 1977, quando o processo político da chamada Transição Espanhola permitiu a redação de uma nova Constituição democrática. A constituição organizava-se em 9 capítulos (125 artigos ao todo) e duas disposições transitórias. 
xsd:nonNegativeInteger 54 
xsd:integer 1407942 
xsd:nonNegativeInteger 9463 
xsd:integer 42717521 

data from the linked data cloud