Consoante fricativa

http://pt.dbpedia.org/resource/Consoante_fricativa

As fricativas são consoantes produzidas pela passagem do ar através de um canal estreito feito pela colocação de dois articuladores próximos um ao outro. Estes podem ser o lábio inferior contra os dentes superiores, no caso de [f]; a parte posterior da língua contra o palato mole, no caso do [x] alemão, a consoante final de Bach; ou o lado da língua contra os molares, no caso do [ɬ] galês, a consoante inicial de Lloyd.
Consoante fricativa 
As fricativas são consoantes produzidas pela passagem do ar através de um canal estreito feito pela colocação de dois articuladores próximos um ao outro. Estes podem ser o lábio inferior contra os dentes superiores, no caso de [f]; a parte posterior da língua contra o palato mole, no caso do [x] alemão, a consoante final de Bach; ou o lado da língua contra os molares, no caso do [ɬ] galês, a consoante inicial de Lloyd. Este fluxo turbulento de ar é chamado de fricção. Um subgrupo especial das fricativas são as sibilantes. São formadas também através da passagem do ar por um canal estreito, porém além disso a língua se curva de maneira a conduzir o ar sobre as pontas dos dentes. No português [s], [z], [ʃ], e [ʒ] são exemplos disto. Já foi designada pelos termos aspirante e estridente, cujo uso é menos frequente. O primeiro pode ser usado como um sinônimo de "fricativa", ou, como por exemplo nas línguas urálicas, para se referir apenas às fricativas não-sibilantes, enquanto o último pode ser uso como um sinônimo de "sibilante", embora alguns autores incluam também as labiodentais e/ou uvulares nesta categoria. 
xsd:nonNegativeInteger 18 
xsd:integer 442040 
xsd:nonNegativeInteger 1501 
xsd:integer 41758220 

data from the linked data cloud