China National Offshore Oil Corporation

http://pt.dbpedia.org/resource/China_National_Offshore_Oil_Corporation an entity of type: Thing

A China National Offshore Oil Corporation (chinês: 中国海洋石油总公司 Zhōngguó hǎiyáng shíyóu zónggōngsī; curto CNOOC) é uma empresa petrolífera chinesa do tipo semi-estatal, com ações na Bolsa de Valores de Hong Kong (Hong Kong Stock Exchange). O acionista majoritário é o governo da China, que controla 70% da corporação. É a maior empresa de exploração petrolífera offshore em alto mar da China. Cerca de 80% dos rendimentos da empresa vêem da exploração petrolífera direta. A empresa assume, sem custos, 51% de qualquer projeto de exploração em alto mar realizado na China por empresas petrolíferas estrangeiras.
China National Offshore Oil Corporation 
xsd:integer 1982 
Pequim 
Pública semi-estatal 
xsd:gYear 1982 
A China National Offshore Oil Corporation (chinês: 中国海洋石油总公司 Zhōngguó hǎiyáng shíyóu zónggōngsī; curto CNOOC) é uma empresa petrolífera chinesa do tipo semi-estatal, com ações na Bolsa de Valores de Hong Kong (Hong Kong Stock Exchange). O acionista majoritário é o governo da China, que controla 70% da corporação. É a maior empresa de exploração petrolífera offshore em alto mar da China. Cerca de 80% dos rendimentos da empresa vêem da exploração petrolífera direta. A empresa assume, sem custos, 51% de qualquer projeto de exploração em alto mar realizado na China por empresas petrolíferas estrangeiras. A CNOOC fundada em 1982, resultante do processo de reforma do setor petrolífero chinês e do fim do controle direto pelo Ministério do Petróleo. Neste processo foram criadas três companhioas petrolíferas: a CNOOC, a CNPC e a Sinopec. Inicialmente a CNOOC se especializou na prospecção marítima, ou offshore, a CNPC na produção onshore e a Sinopec na área de petroquímica, refino e derivados. Posteriormente essas barreiras foram retiradas e a China passou a contar com três semi-estatais consideradas gigantes no setor petrolífero mundial. A CNOOC continua sendo a maior companhia chinesa na exploração de petróleo no alto mar e controla praticamente todo o setor de importação de gás liquefeito ou GNL do país, incluindo os grandes terminais de GNL instalados no litoral chinês. A empresa China Oilfield Services (COSL) é uma subsidiaria da CNOOC Limited com ações na bolsa do principal centro financeiro chinês: Hong Kong. Em 2005 a CNOOC tentou comprar a petrolífera americana Unocal, acionista majoritária do gasoduto trans-afegão, mas esta operação foi bloqueada pelo governo dos Estados Unidos, que alegou razões de "Segurança Nacional". Atualmente a CNOOC constitui um conclomerado formado pelas seguintes empresas: 
xsd:nonNegativeInteger 25 
CNOOC 
CNOOC 
xsd:integer 895864 
xsd:nonNegativeInteger 3326 
xsd:integer 41858051 

data from the linked data cloud