Ceres (planeta anão)

http://pt.dbpedia.org/resource/Ceres_(planeta_anão) an entity of type: Thing

Ceres (na designação de planeta menor 1 Ceres) é um planeta anão localizado no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter, sendo o maior dos asteroides. Desde sua descoberta em 1801 por Giuseppe Piazzi, Ceres recebeu diversas classificações, sendo inicialmente considerado planeta e posteriormente asteroide. Em 2006 foi enquadrado na categoria de planeta anão.
Ceres (planeta anão) 
xsd:double 2.9858 
Ceres , a Lua e a Terra, tamanho em escala. 
Comparação de tamanho de Vesta, Ceres e Eros. 
xsd:double 72.825 
xsd:integer
Ceres , a Lua e a Terra, tamanho em escala. 
Comparação de tamanho de Vesta, Ceres e Eros. 
xsd:double 2.08 
<day> 0.3781 
xsd:double 974.6 
vertical 
xsd:double 2.7663 
xsd:double 0.07934 
xsd:double 0.028 
Ceres, Earth & Moon size comparison.jpg 
Eros, Vesta and Ceres size comparison.jpg 
xsd:integer 250 
Com a eclíptica: 10,585° 
Com o plano invariável: 9,20 
Essa imagem foi registrada em maio de 2015, pela sonda Dawn. 
Imagem em cores naturais de Ceres. 
xsd:double 6.7 
xsd:double 9.5 
xsd:integer 80399 
Ceres 25px|⚳ 
xsd:double 2.5468 
<day> 1680.5 
vestígios 
xsd:integer --06-03 
xsd:integer -34 
xsd:integer -106 
S.D. 
xsd:double 17.882 
xsd:integer 150 
xsd:integer 1800000 
xsd:double 3.36 
xsd:double 0.51 
xsd:double 3.36 
xsd:double 0.113 
xsd:double 6.7 
xsd:double 1836.0 
Imagem em cores naturais de Ceres. 
Essa imagem foi registrada em maio de2015, pela sondaDawn. 
Ceres (na designação de planeta menor 1 Ceres) é um planeta anão localizado no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter, sendo o maior dos asteroides. Desde sua descoberta em 1801 por Giuseppe Piazzi, Ceres recebeu diversas classificações, sendo inicialmente considerado planeta e posteriormente asteroide. Em 2006 foi enquadrado na categoria de planeta anão. Possui um formato arredondado e uma superfície escura cheia de crateras. É constituído possivelmente por um núcleo rochoso circundado por um manto de gelo. Sua superfície, conforme anteriormente observado pelo Telescópio Espacial Hubble, apresenta regiões mais escuras, além de locais de brilho proeminente, de natureza ainda desconhecida. O planeta anão possui uma tênue atmosfera formada sobretudo por vapor de água que sublima e deixa a superfície. Ceres é possivelmente um planetesimal remanescente do período de formação e evolução do Sistema Solar. Atualmente aparenta ser geologicamente inerte. Em 2007, foi lançada a sonda Dawn, da NASA, que fez uma passagem por Vesta e entrou em órbita ao redor de Ceres em 6 de março de 2015. Fotografias de resolução não obtida anteriormente foram tiradas a partir de janeiro de 2015 conforme a Dawn se aproximou de Ceres, revelando uma superfície coberta de crateras. Um ponto brilhante visto anteriormente em imagens do Telescópio Espacial Hubble foi observado como duas formações distintas de alto albedo no interior de uma cratera, consistentes com material reflexivo contendo gelo ou sais. Foi iniciamente especulado que esses pontos teriam origem criovulcânica, mas isso foi considerado improvável. 
xsd:nonNegativeInteger 223 
xsd:double 0.113 
Ceres25px|⚳ 
xsd:integer 7107 
xsd:nonNegativeInteger 58524 
xsd:integer 44907372 

data from the linked data cloud