Cerco de Damasco (634)

http://pt.dbpedia.org/resource/Cerco_de_Damasco_(634) an entity of type: Thing

O cerco de Damasco de 634 foi uma conflito militar entre o Califado Ortodoxo e o Império Bizantino pela posse da cidade de Damasco entre 21 de agosto e 19 de setembro de 634, No seu final, as tropas do califado comandadas por Calide ibne Ualide conquistaram a cidade aos bizantinos. Damasco foi a primeira grande cidade bizantina a cair durante a Conquista muçulmana da Síria, uma das primeiras guerras bizantino-árabes.
Cerco de Damasco (634) 
muitas 
poucas 
xsd:integer
Tomás 
type:city 
— 
xsd:integer 15000  20000 
Damascus-Bab Kisan.jpg 
xsd:integer 275 
xsd:integer 33 
xsd:integer 30 
xsd:integer 23 
Bab Kisan, uma das seis portas das muralhas de Damasco 
xsd:integer 38 
xsd:integer 18 
xsd:integer 55 
Cerco de Damasco 
Conquista da cidade pelo Califado 
muitas  poucas 
Conquista da cidade pelo Califado 
O cerco de Damasco de 634 foi uma conflito militar entre o Califado Ortodoxo e o Império Bizantino pela posse da cidade de Damasco entre 21 de agosto e 19 de setembro de 634, No seu final, as tropas do califado comandadas por Calide ibne Ualide conquistaram a cidade aos bizantinos. Damasco foi a primeira grande cidade bizantina a cair durante a Conquista muçulmana da Síria, uma das primeiras guerras bizantino-árabes. A última das guerras romano-persas tinha terminado em 627, quando o imperador bizantino Heráclio concluiu uma campanha vitoriosa contras os persas sassânidas na Mesopotâmia. Na mesma altura, Maomé uniu os árabes sob a bandeira do islão e após a sua morte em 632, Abu Becre sucedeu-lhe como primeiro califa ortodoxo (ou Rashidun). Após esmagar revoltas internas, Abu Becre procurou expandir o império muçulmano para além dos limites da península da Arábia. Em abril de 634, Abu Becre invadiu territórios bizantinos no Levante e derrotou de forma decisiva o exército bizantino na Batalha de Ajnadayn, travada a 30 de julho de 634. As tropas muçulmanas marcharam seguidamente para norte e montaram cerco a Damasco. A cidade foi tomada depois de um padre monofisita ter informado Calide ibne Ualide que era possível penetrar nas muralhas atacando uma posição que estava pouco guarnecida durante a noite. Enquanto Calide entrava na cidade atacando a porta oriental, Tomás, o comandante da guarnição bizantina, negociava uma rendição pacífica na porta Jabiyah com Abu Ubaidah ibn al Jarrah, o segundo comandante muçulmano. Depois da rendição, Calide começou por discordar dos termos do acordo de paz oferecidos aos sitiados por Abu Ubaidah, mas acabou por concordar respeitá-los. O acordo incluía a garantia de que durante a três dias não haveria perseguições por parte dos muçulmanos contra o comboio bizantino que sairia da cidade imediatamente. Calide respeitou essa garantia, mas no final do prazo iniciou a perseguição dos refugiados damascenos que se dirigiam para Antioquia e derrotou-os em batalha seis dias depois, perto do que é hoje Al Jayyad. 
xsd:nonNegativeInteger 135 
Guerras bizantino-árabes 
Conquista muçulmana da Síria 
xsd:integer 4923388 
xsd:nonNegativeInteger 28751 
xsd:integer 44172374 

data from the linked data cloud