Bilhetagem eletrônica

http://pt.dbpedia.org/resource/Bilhetagem_eletrônica

Bilhetagem eletrônica é um conjunto de procedimentos relacionados a cadastramento de usuários, automação de vendas, pagamento e arrecadação de tarifas de passagens de Transportes Públicos. Utiliza dispositivos especiais, como:- Meios eletrônicos de cadastramento de usuários e venda de créditos de passagens, como Internet e também redes credenciadas no varejo;- Cartões inteligentes, conhecidos como Smart Cards ou similares, dotados de memória e mecanismos de segurança;- Sistemas de comunicação e processamento das informações sobre a arrecadação.- Passe de Estudante (passagens com descontos);
Bilhetagem eletrônica 
Bilhetagem eletrônica é um conjunto de procedimentos relacionados a cadastramento de usuários, automação de vendas, pagamento e arrecadação de tarifas de passagens de Transportes Públicos. Utiliza dispositivos especiais, como: - Meios eletrônicos de cadastramento de usuários e venda de créditos de passagens, como Internet e também redes credenciadas no varejo; - Cartões inteligentes, conhecidos como Smart Cards ou similares, dotados de memória e mecanismos de segurança; - Validadores, que são aparelhos que debitam créditos dos cartões e que são instalados nos meios de transporte (Ônibus, Trens, Metrô e Barcas); - Sistemas de comunicação e processamento das informações sobre a arrecadação. Segundo Celso Campello Neto, professor da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) e Diretor da Benefício Certo, as operações de bilhetagem eletrônica substituem os bilhetes de papel, plástico ou fichas por cartões e trazem um dos principais benefícios aos usuários do sistema, que é a integração tarifária e/ou temporal. Com a integração, é possível se fazer várias viagens pela rede de transportes, ou mesmo entre redes distintas, por exemplo linhas de ônibus, metrô e trens com valores reduzidos, garantindo ao cidadão o direito de ir e vir de uma maneira mais facilitada e econômica. A tecnologia, além da diminuição dos custos com transporte por conta da integração, eliminou por completo, o mercado clandestino de vendas de bilhetes, muito comum em algumas regiões metropolitanas do Brasil, uma vez que com os cartões tornou-se impossível a troca dos vales por dinheiro, bem como eventuais falsificações. Além disso, trouxe mais segurança, já que reduzem consideravelmente a quantidade de valores monetários que circulavam nos veículos e com isso inibiram o número de assaltos. Sob a ótica dos operadores e ou gestores de transporte público coletivo, os sistemas de bilhetagem geram indicadores para uma melhor administração da rede de transportes, identificando necessidades de otimização das malhas, bem como uma melhor gestão da frota, uma vez que baliza as quantidades de veículos e trens necessárias em linhas e horários específicos, garantindo melhores níveis de serviços e atendimento aos usuários, principalmente em horários de pico e regiões mais afastadas dos centros. Ainda assim, traz considerável rapidez e controle para os processos de emissão, comercialização e arrecadação dos créditos eletrônicos das viagens. Hoje em dia a Bilhetagem Eletrônica se tornou realidade em praticamente todas as grandes cidades do Brasil, trazendo um considerável avanço nas políticas de gestão do transporte público, bem como na satisfação do público em geral. Podemos citar como divisor de águas neste mercado, o lançamento do maior projeto de bilhetagem eletrônica do país, e um dos maiores do mundo, o Bilhete Único, no município de São Paulo, coordenado pela SPTrans. Este sistema foi colocado em plena operação em meados de 2004 e hoje conta com mais de 12 milhões de cartões emitidos, integrando as redes de ônibus, trens e metrô. No que tange aos distintos segmentos de produtos, a bilhetagem oferece controles diferenciados, conforme o padrão de usuário ou de utilização, como os cartões de: - Vale-Transporte (passagens subsidiada pelos empregadores de acordo com lei específica); - Gratuidades (concessões a idosos, portadores de necessidades especiais, alguns funcionários públicos em serviço, entre outros) - Passe de Estudante (passagens com descontos); - Passe Comum (passagens eventuais) 
xsd:nonNegativeInteger 94 
xsd:integer 105254 
xsd:nonNegativeInteger 11319 
xsd:integer 44473160 

data from the linked data cloud