Bate-Seba

http://pt.dbpedia.org/resource/Bate-Seba

Betsabá, Betsabé (português brasileiro) ou Bate-Seba (português europeu) (em hebraico: בת שבע, Batsheva ou Batseba) foi, de acordo com a narrativa bíblica, uma das esposas do rei Davi. Era filha de Eliã ou Amiel, e esposa de Urias, o guerreiro heteu a serviço do rei hebreu. Seu nome significa literalmente «filha de set'anos», porém pode ser também traduizido como «filha do ajuste».No entanto, Davi teve com Bate-Seba mais quatro filhos, incluindo Salomão, que sucedeu ao trono de Israel (I Crônicas 3:5) e cumpriu a promessa de construir um templo para Deus.
Bate-Seba 
Betsabá, Betsabé (português brasileiro) ou Bate-Seba (português europeu) (em hebraico: בת שבע, Batsheva ou Batseba) foi, de acordo com a narrativa bíblica, uma das esposas do rei Davi. Era filha de Eliã ou Amiel, e esposa de Urias, o guerreiro heteu a serviço do rei hebreu. Seu nome significa literalmente «filha de set'anos», porém pode ser também traduizido como «filha do ajuste». Enquanto os soldados lutavam contra os amonitas, Davi ficou impressionado com a beleza de Bate-Seba ao vê-la banhar-se e a seduziu. Obteve sucesso na sua sedução, o que geralmente sucedia aos reis na sociedades primitivas, embora o seu ato fosse considerado uma transgressão perante a lei mosaica e um pecado segundo os olhos do Deus de Israel. Para tentar encobrir sua transgressão, Davi chegou a cometer outro pecado, expondo Urias à morte em uma batalha, reduzindo suas chances de sobreviver (II Samuel 11). Bate-Seba estava grávida de Davi e, após a morte de seu marido Urias, ela tornou-se uma de suas esposas. Devido ao fato, Davi foi repreendido por Deus através do profeta Natã , reconheceu seu pecado (II Samuel 12:13), e pediu perdão a Deus (salmo 51). No entanto, o menino que nasceu dessa gravidez adulterina morreu por juízo divino (II Samuel 12:15-18), o que deixou Davi profundamente abatido, porém em grande estado de adoração ao Deus Eterno, pela sua justiça. No entanto, Davi teve com Bate-Seba mais quatro filhos, incluindo Salomão, que sucedeu ao trono de Israel (I Crônicas 3:5) e cumpriu a promessa de construir um templo para Deus. Quando Davi estava quase morrendo, Adonias reivindicou para si a sucessão ao trono de Israel, mas Bate-Seba e o profeta Natã convenceram Davi a instalar Salomão como rei (I Reis 1:5-40). No hebraico, o seu nome significa "filha do juramento", ou então "sétima filha". Em I Crônicas 3:5, ela é chamada Bate-Sua. Nos escritos rabínicos Bate-Seba é descrita como mulher dotada de mente brilhante e de beleza física incomum. Acreditavam que parte da sabedoria de Salomão teria sido herdada de sua mãe. 
xsd:nonNegativeInteger 16 
xsd:integer 456579 
xsd:nonNegativeInteger 3128 
xsd:integer 43485875 

data from the linked data cloud