Autoajuda

http://pt.dbpedia.org/resource/Autoajuda

O termo autoajuda pode ser referir a qualquer caso onde um indivíduo ou um grupo (como um grupo de apoio) procura se aprimorar econômica, espiritual, intelectual ou emocionalmente. O termo costuma ser aplicado como uma panaceia em educação, negócios e psicologia, propagandeada através do lucrativo ramo editorial de livros sobre o assunto.
Autoajuda 
O termo autoajuda pode ser referir a qualquer caso onde um indivíduo ou um grupo (como um grupo de apoio) procura se aprimorar econômica, espiritual, intelectual ou emocionalmente. O termo costuma ser aplicado como uma panaceia em educação, negócios e psicologia, propagandeada através do lucrativo ramo editorial de livros sobre o assunto. Antes que um movimento social em qualquer grupo cultural atinja dimensões consideráveis, tradição, experiência e reconhecimento, ele se submete a fase de auto-ajuda do desenvolvimento como grupo. Quando qualquer grupo sovial alcança um certo número de adeptos (cerca de 80 membros), o padrão com humanos adultos parece ser o de haver o desenvolvimento de uma "facção" de auto-ajuda que pode, eventualmente, se desagregar (ou separar-se) do grupo original. Grandes grupos que competem freqüentemente, podem tentar repudiar ou minimizar o grupo que se separou, descrevendo-o como grupo de "auto ajuda" já que a sua experiência supostamente não é tão significante nem verdadeira como a do grupo mais antigo. O conceito de auto-ajuda também encontrou um lugar em gêneros mais expansivos. Para muitas pessoas, a auto-ajuda passou a ser uma maneira de reduzir custos, especialmente em questões legais, com serviços de auto-ajuda disponíveis para auxílio nas causas rotineiras, desde processos domésticos até ações sobre direitos autorais. No mercado, as tendências relacionadas à auto-ajuda resultaram, nos últimos anos, nos sistemas de pagamentos automatizados. Bombas de gasolina de "auto-ajuda" (self-service ou auto-serviço, como é conhecido esse sistema no Brasil) substituiram as bombas que necessitavam de um funcionário nos EUA, durante os últimos anos do século XX. Os diversos gêneros em que os conceitos de auto-ajuda são aplicados, são trazidos juntamente com a expansão de tecnologias que dão aos indivíduos condições de conduzir atividades tanto triviais quanto as mais profundas em complexidade. A publicação de livros de auto-ajuda surgiu da descentralização da ideologia, do crescimento da indústria editorial usando novas e melhores tecnologias de impressão e no auge do crescimento, com as novas ciências psicológicas sendo difundidas. Igualmente, serviços de auto-ajuda legal cresceram em torno da expansão do acesso às tecnologias de proteção de documentos. A Internet, e a sempre-crescente seleção de serviços comerciais e de informação que ela oferece, é um exemplo do movimento em torno da auto-ajuda em grande escala. Essa integração produziu um novo tipo de instrumentos, como livros com um código único impresso em cada cópia para garantir que o leitor possa realizar um teste "on-line" que quantifique onde as suas habilidades se comparam nos conceitos ditados pelo livro. 
xsd:nonNegativeInteger 25 
xsd:integer 506032 
xsd:nonNegativeInteger 7490 
xsd:integer 44012202 

data from the linked data cloud