Índia britânica

http://pt.dbpedia.org/resource/Índia_britânica an entity of type: Thing

O termo Índia britânica é a denominação não-oficial para o domínio colonial do Império Britânico sobre o subcontinente indiano, aqui entendido como a área geográfica que inclui os territórios atuais de Índia, Paquistão, Bangladesh (ex-Paquistão Oriental) e Mianmar (antes chamado "Birmânia"). Pode ser designado também pelo termo Raj britânico, do hindustâni rāj, "reino". No tempo, corresponde a um período desde 1858, quando os direitos da Companhia Britânica das Índias Orientais foram transferidos para a coroa britânica, até 1947, ano em que o Reino Unido passou a soberania sobre aquele território para os recém-criados Índia e Paquistão.
Índia britânica 
xsd:integer 1858  1901  1910  1936 
Bandeira da Índia 
Flag_of_the_British_East_India_Company_.svg 
Flag_of_the_Maratha_Empire.svg 
Flag_of_the_Mughal_Empire.svg 
Flag_of_Pakistan.svg 
Flag_of_None.svg 
British_Burma_1937_flag.png 
Flag_of_India.svg 
Flag_of_the_Colony_of_Aden.svg 
Calcutá 
Shimla 
Nova Delhi 
Ásia 
xsd:integer 15 
xsd:integer
Colônia/Império 
monarquia 
God Save The Queen / King 
British_Raj_Red_Ensign.svg 
Star-of-India-gold-centre.svg 
Índia britânica, 1909 
British_Indian_Empire_1909_Imperial_Gazetteer_of_India.jpg 
Império Indiano 
Índia Britânica 
British Raj 
Império Maratha 
Companhia Britânica das Índias Orientais 
Império Mughal 
Domínio do Paquistão 
Birmânia 
Colónia de Aden 
Domínio da Índia 
Protetorado de Aden 
Brasão_de_armas_da_Índia 
Imperador da Índia 
xsd:integer 1947 
xsd:integer 1858 
xsd:gYear 1858  1947 
Imperador da Índia 
Índia britânica, 1909 
O termo Índia britânica é a denominação não-oficial para o domínio colonial do Império Britânico sobre o subcontinente indiano, aqui entendido como a área geográfica que inclui os territórios atuais de Índia, Paquistão, Bangladesh (ex-Paquistão Oriental) e Mianmar (antes chamado "Birmânia"). Pode ser designado também pelo termo Raj britânico, do hindustâni rāj, "reino". No tempo, corresponde a um período desde 1858, quando os direitos da Companhia Britânica das Índias Orientais foram transferidos para a coroa britânica, até 1947, ano em que o Reino Unido passou a soberania sobre aquele território para os recém-criados Índia e Paquistão. Do ponto de vista formal, o termo "Índia britânica" aplicava-se apenas às porções do subcontinente governadas diretamente pela administração britânica em Deli e, anteriormente, Calcutá. A maior parte do território do subcontinente sob influência britânica naquela época não era governada diretamente pelos britânicos: os chamados "Estados principescos" eram nominalmente independentes, governados pelos seus marajás, rajás, thakurs e nababos, quem reconheciam o monarca britânico como seu suserano feudal por meio de tratados. Áden passou a integrar a Índia britânica a partir de 1839; a Birmânia, a partir de 1886. Ambos tornaram-se colônias separadas do Império Britânico em 1937. Embora o Sri Lanka (antigo Ceilão) possa ser considerado parte do subcontinente indiano, não integrava a Índia britânica, pois era governado como uma colônia diretamente de Londres e não pelo vice-rei da Índia. O Estado Português da Índia e a Índia Francesa eram formadas por pequenos enclaves costeiros governados por Portugal e França, respetivamente. Foram integrados à Índia após a independência indiana. 
xsd:nonNegativeInteger 144 
British Raj 
Império Indiano 
Índia Britânica 
xsd:integer 560766 
xsd:nonNegativeInteger 14719 
xsd:integer 44005250 

data from the linked data cloud