Em tecnologia da informação, o termo Big Data ("megadados" em português) refere-se a um grande conjunto de dados armazenados. Diz-se que o Big Data se baseia em 5 V's : velocidade, volume, variedade, veracidade e valor.'

PropertyValue
dbpedia-owl:abstract
  • Em tecnologia da informação, o termo Big Data ("megadados" em português) refere-se a um grande conjunto de dados armazenados. Diz-se que o Big Data se baseia em 5 V's : velocidade, volume, variedade, veracidade e valor.' Big Data é um termo amplamente utilizado na atualidade para nomear conjuntos de dados muito grandes ou complexos, que os aplicativos de processamento de dados tradicionais ainda não conseguem lidar. Os desafios desta área incluem: análise, captura, curadoria de dados, pesquisa, compartilhamento, armazenamento, transferência, visualização e informações sobre privacidade dos dados. Este termo muitas vezes se refere ao uso de análise preditiva e de alguns outros métodos avançados para extrair valor de dados, e raramente a um determinado tamanho do conjunto de dados. Maior precisão nos dados pode levar à tomada de decisões com mais confiança. Além disso, melhores decisões podem significar maior eficiência operacional, redução de risco e redução de custos. A análise adequada de tais grandes conjuntos de dados permite encontrar novas correlações, como por exemplo: "tendências de negócios no local, prevenção de doenças, combate à criminalidade e assim por diante". Cientistas, empresários, profissionais de mídia e publicidade e Governos regularmente enfrentam dificuldades em áreas com grandes conjuntos de dados, incluindo pesquisa na Internet, finanças e informática de negócios. Os cientistas, por exemplo, encontram limitações no trabalho de e-Ciência, incluindo Meteorologia, Genômica, conectonomia, simulações físicas complexas, além de pesquisa biológica e ambiental. Tais conjuntos de dados crescem em tamanho em parte porque são cada vez mais frequentes e numerosos, uma vez que os dados atualmente podem ser reunidos por dispositivos baratos de informação, tais como equipamentos de sensoriamento móveis, aéreos (sensoriamento remoto), logs de software, câmeras, microfones, leitor (RFID) de rádio-frequência de identificação e redes de sensores sem fio. Desta forma, a capacidade per-capita tecnológico do mundo para armazenar informações praticamente tem dobrado a cada 40 meses, desde a década de 1980. A partir de 2012, foram criados a cada dia 2,5 hexabytes (2,5 × 1018) de dados. O desafio atual para as grandes empresas é determinar quem deve possuir grandes iniciativas de dados que atravessem toda a organização. Sistemas de gerenciamento de banco de dados relacional, estatísticas da área de trabalho e pacotes de visualização, muitas vezes têm dificuldade em lidar com grandes volumes de dados, pois isto requer o trabalho de "software paralelo, rodando em dezenas, centenas ou até mesmo milhares de servidores". O que é considerado "Big Data" varia de acordo com as capacidades dos usuários e suas ferramentas. Assim, o que é considerado "grande" em um ano provavelmente se tornará usual nos anos posteriores. "Para algumas organizações, que têm acesso a centenas de gigabytes de dados pela primeira vez, isto pode desencadear uma necessidade de se reconsiderar as opções de gerenciamento de dados. Desta forma, na atualidade "o volume dos dados armazenados ou acessados torna-se uma consideração importante."
dbpedia-owl:thumbnail
dbpedia-owl:wikiPageExternalLink
dbpedia-owl:wikiPageWikiLink
dcterms:subject
rdfs:comment
  • Em tecnologia da informação, o termo Big Data ("megadados" em português) refere-se a um grande conjunto de dados armazenados. Diz-se que o Big Data se baseia em 5 V's : velocidade, volume, variedade, veracidade e valor.'
rdfs:label
  • Big data
foaf:depiction
owl:sameAs
is dbpedia-owl:wikiPageWikiLink of
is owl:sameAs of